Goiânia terá feriado em 20/11 pela consciência negra, garante Policarpo
20/11/2019 13:15 em Movimentos Sociais

Em audiência pública pelas comemorações do DIA NACIONAL DA CONSCIÊNCIA NEGRA – Contra o Racismo no Brasil, realizada hoje (20/11/19), na Câmara Municipal de Goiânia, o presidente da casa, vereador GCM Romário Policarpo (Patriota) se comprometeu a lutar para que o dia 20 de novembro do ano que vem(2020) seja feriado municipal em Goiânia.

Romário: "O jovem negro tem mais dificuldades para acessar coisas básicas da sociedade (...) o ensino, o emprego e quando consegue recebe a metade do valor que um jovem que não tem a nossa cor recebe.

A quantidade de jovens negros mortos é quase três vezes a de jovens brancos e essa violência se dá por fatores históricos do nosso país.

Há pouco tempo, (...)há menos de 100 anos atrás, pessoas da minha cor não estavam aqui no parlamento (...) estavam sendo escravas.

Esse feriado no dia 20 de novembro irá voltar para o calendário oficial de Goiânia (...) Nós estamos falando do Dia da consciência negra, onde você tem um espaço para discutir e debater (...) pensar em metas para o futuro e,(...) o prefeito deverá apoiar". Veja vídeo aqui.

 

 

Presentes na audiência as vereadoras Sabrina Garcês e a Dra. Cristina

 

                                      

       Adv. Marinete e vereadora Sabrina Garcês    Vereadora Dra. Cristina e estudante

 

DIA DA CONSCIÊNCIA NEGRA | homenageia a ver. Marielle Franco

A adv. Marinete Franco, mãe de Marielle, esteve presente no ato Abraço Negro em Goiânia e falou da importância do legado da filha que lutava pelos direitos humanos da população pobre, sobretudo negra.

 

Marinete: "É um simbolismo nacional e Marielle está presente contra a violência e tudo que está acontecendo no Brasil."  Veja vídeo aqui.

 

MOVIMENTO NEGRO UNIFICADO E SINTEGO

Na luta pela consciência negra | Racismo é Crime

 

A profa. Iêda Leal, da coordenação nacional do Movimento Negro Unificado e da direção do SINTEGO

 

Iêda: "Precisamos construir uma sociedade sem racismo. Estes, mais de 500 jovens presentes aqui, fazem o Abraço Negro em Goiânia (...) para que as pessoas façam a discussão dentro das escolas e fora também". Veja vídeo aqui.

 

Fotos do evento

 

          

                  Estudante tradutor de Libras                                                                   Bia de Lima - Pres. SINTEGO e da CUT Goiás

       

                 Coletiva de Imprensa                                                                                 Juventude Negra 

 

Palestrantes

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!