Drauzio Varella: fala de Bolsonaro sobre pessoas com AIDS é uma “desumanidade”
11/02/2020 09:20 em Política & Economia

 

"Uma grosseria que não merece nem ser comentada", disse o médico ao repercutir, no Roda Viva, a declaração de Bolsonaro de que pessoas com AIDS são uma "despesa" para o país

 

Em entrevista a jornalistas do programa Roda Viva, da TV Cultura, na noite desta segunda-feira (10), Drauzio Varella, um dos médicos mais respeitados do país, afirmou que frases como a do presidente Jair Bolsonaro sobre AIDS ajudam a estigmatizar ainda mais as pessoas que vivem com a doença.

 

“Preconceito e desumanidade. Atirar no doente a culpa da doença que ele tem.. A sociedade sempre fez isso. Na Idade Média se fazia isso com a hanseníase. Tuberculose era coisa dos devassos. E na AIDS, é coisa de promíscuos. Cansei de ver senhoras que casaram uma vez na vida e pegaram Aids do marido”, afirmou o médico.

 

“Essas pessoas não pensam que isso pode acontecer com alguém da família deles. Ele não iria gostar que uma pessoa de sua família fosse tratada dessa forma”, disse. “Uma grosseria [a fala do presidente] que não merece nem ser comentada”, completou.

 

Na semana passada, ao falar sobre o projeto do governo de incentivo a abstinência sexual na adolescência, Bolsonaro afirmou que as pessoas com AIDS são uma “despesa” para o país.

 

Fonte: Revista Fórum

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!